Pesquisar
Close this search box.

MINHA CONTA

Governadora Raquel Lyra enaltece ideais de Pernambuco durante celebração do bicentenário da Confederação do Equador

3 de julho de 2024

Fotos: Janaína Pepeu/ Secom

“A Confederação do Equador celebra muito daquilo que somos, os ideais de democracia e a luta pela liberdade, que sempre estiveram muito presentes no povo pernambucano”, destacou a governadora Raquel Lyra, durante o evento que marcou o início das comemorações do bicentenário da Confederação do Equador. Realizado no Centro Cultural Eufrásio Barbosa, em Olinda, nesta terça-feira (2), a cerimônia celebrou o movimento revolucionário que marcou Pernambuco e outros estados do Nordeste. Na solenidade, a chefe do Executivo e a sua vice, Priscila Krause, que está coordenando a comissão especial do bicentenário, lançaram o edital do Concurso para o Prêmio Frei Caneca de Teatro. O certame tem o objetivo de fomentar a produção teatral de todo o Estado, e vai contar com R$300 mil em premiação.

Pelos próximos doze meses, o Governo de Pernambuco promoverá atividades em prol de reafirmar a vocação libertária do Estado. “Tudo isso para que sempre possamos lembrar da imensidão que é Pernambuco, porque somos um país. Essa grandeza se deve a muitas pessoas que na Confederação do Equador tiveram coragem de decretar, pela primeira vez na nossa história, que seríamos uma pátria. E fomos uma pátria. Isso durou por cinco meses, mas traz marcas muito profundas em Pernambuco, nos revelando como um povo de muita bravura, muito guerreiro e sempre com valores democráticos muito fortes”, complementou Raquel Lyra.

Para a vice-governadora, que comanda a comissão especial, e que vem desde agosto do ano passado se reunindo com o colegiado, esse é um dia muito especial. “Hoje damos início às atividades comemorativas do bicentenário da Confederação do Equador, uma revolução que foi liderada por Frei Caneca, que é muito responsável por essa formação da pernambucanidade, de um estado que sempre foi vanguarda política e sempre lutou pelas liberdades individuais”, enfatizou Priscila Krause.

Liderando a Comissão Temporária em Comemoração aos 200 anos da Confederação do Equador no Senado Federal, a senadora Teresa Leitão parabenizou o Governo do Estado pela iniciativa. “Envolver os estudantes e todos os setores da sociedade faz com que o bicentenário ganhe, não apenas por reviver, mas por reviver olhando para o futuro”, celebrou.

No evento oficial de abertura, foi apresentado um selo postal comemorativo em parceria com os Correios, a programação de eventos científicos, ações na Universidade de Pernambuco (UPE), a reedição da obra “Frei Joaquim do Amor Divino Caneca”, de Edvaldo Cabral de Mello, pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), e uma cartilha para os professores dos anos finais da rede estadual.

Presente na solenidade, a deputada estadual Débora Almeida enfatizou a importância do e evento para salvaguardar a história de Pernambuco. “Essa comemoração explicando e mostrando ao nosso povo o que realmente aconteceu, contando a história de Frei Caneca, é muito importante para que todos possam saber as origens da construção de Pernambuco e, principalmente, os valores da democracia e da liberdade”, afirmou a parlamentar.

O encerramento se deu com a apresentação do espetáculo “Frei Caneca – 200 anos da Confederação do Equador”, que tem direção de Carlos Carvalho e produção de Paulo de Castro. A comissão especial, comandada pela vice-governadora Priscila Krause, reúne cerca de 20 entidades e órgãos pernambucanos.

Também estiveram prestigiando a solenidade o ex-governador de Pernambuco, Gustavo Krause; o deputado estadual Antônio Morais; o prefeito de Olinda, professor Lupércio; o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Valdecir Pascoal; o desembargador Eduardo Sertório, representando o presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco; o chefe do Estado-Maior do Comando Militar do Nordeste, general Luiz Duarte de Figueiredo Neto; os secretários estaduais Amanda Aires (Desenvolvimento Profissional e Empreendedorismo), Almir Cirilo (Recursos Hídricos e Saneamento), Ana Luiza Ferreira (Meio Ambiente, Sustentabilidade e Fernando de Noronha), Cacau de Paula (Cultura), Fernando Holanda (Assessoria Especial e Relações Internacionais), Guilherme Cavalcanti (Desenvolvimento Econômico), Alessandro Carvalho (Defesa Social), Wilson José (Fazenda), Diogo Bezerra (Mobilidade e Infraestrutura), Fabrício Marques (Planejamento, Gestão e Desenvolvimento Regional), Juliana Gouveia (interina da Mulher), Daniel Leite (interino de Turismo e Lazer), Kenys Bonatti (interino de Ciência, Tecnologia e Inovação) e Joana D’Arc (interina de Justiça, Direitos Humanos e Prevenção à Violência); e a presidente da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fudarpe), Renata Borba.

ESTÁ GOSTANDO DO CONTEÚDO? COMPARTILHE

Facebook
Twitter
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ULTIMAS NOTÍCIAS

17 de julho de 2024

O ator pernambucano Aramis Trindade, conhecido pelo seu trabalho em cinema, teatro e televisão, apresenta em Caruaru e Brejo da Madre de Deus, o espetáculo ...

16 de julho de 2024

Um público de 320 mil pessoas circulou pelo Pernambuco Centro de Convenções, em Olinda, durante a 24ª edição da Fenearte – Feira Nacional de Negócios ...

16 de julho de 2024

A avaliação mais recente do Índice de Transparência e Governança Pública (ITGP), publicado na noite4 de segunda-feira (15/07) pela Transparência Internacional/Brasil, revela que a transparência ...

16 de julho de 2024

Empenhado na construção coletiva de um programa de governo inovador, o pré-candidato à prefeitura de Caruaru Zé Queiroz (PDT) visitou na manhã desta segunda-feira (15) ...